Pela 3ª vez Justiça Eleitoral constata irregularidades na pesquisa de Salvadori

A coligação Força da União, do candidato TAUILLO TEZELLI entrou com pedido de impugnação de divulgação de pesquisa eleitoral. Além de suspender imediatamente a divulgação da pesquisa, a coligação ainda requer o acesso integral do sistema interno de controle, todos os questionários, documentos e informações coletados.

 

O fato é que os contratantes da pesquisa registraram a mesma na Justiça Eleitoral sob o nº PR-02294/2020, na data de 08/11/2020, com divulgação para 12/11/2020.

Contudo, de acordo com Resolução TSE nº 23.600/2019 indica que o registro das pesquisas no Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais até cinco dias antes da divulgação.

Em apertada síntese, a Justiça concedeu tutela de urgência, mediante liminar, inaudita altera pars, para o fim de suspender a divulgação da pesquisa, em razão de a) critério de aferição de nível econômico divergente no plano amostral em comparação ao questionário; b) ausência de ponderação; c) ausência de sistema interno de controle e conferência.

Compartilhe este post:
Open chat